Nascido em 1959, abraçou o jornalismo logo no período pós-independência. Toda a história do jovem Estado independente passou pelos seus dedos

Gustavo Costa começou a colaborar com o Expresso em 1989. Era o nosso correspondente em Luanda e morreu na madrugada desta sexta-feira, às 00h03 na capital angolana vítima de um AVC. Quando discutíamos as matérias ao telefone ele ouvia-nos com atenção, explicava sumariamente como pensava tratar o assunto, pausava e concluía, repetindo “sim, sim, sim”. Nós ficávamos descansados. Ou partíamos para massacrá-lo com telefonemas quando havia atrasos ou as edições em Lisboa exigiam antecipação: “Gugu!!”, e ele respondia. “Sim, sim, sim”. Só mais meia hora…

A intuição jornalística dele e a lista de contactos de que dispunha garantiam que alguma coisa nos surpreenderia na “volta do correio”. Umas horas antes de ter sofrido o derrame cerebral falámos sobre o texto que escreveu para a “Revista E” em antecipação das eleições de 24 de agosto e ele insistiu, impressionado, na tensão que se sentia no ar nos meios que correu para escrever aquela que viria a ser a última reportagem para o Expresso.

Gustavo Costa nunca trabalhou num meio fácil, o que nalguns anos terá sido estimulante, já que a liberdade em Angola é angolana. Como me disseram alguns entrevistados no pós-eduardismo, cada um à sua maneira, pode-se falar, não se sabe qual pode ser a consequência. Antes seria pior e, por isso, o Gustavo Costa foi condenado em janeiro de 2000 a um ano de prisão com pena suspensa de 19 meses e ao pagamento de uma multa no valor de quatro mil contos (cerca de €20 mil).

Condenado a pena suspensa e multa

O processo foi movido pelo chefe da Casa Civil da Presidência da República de Angola, na sequência da publicação de uma notícia onde afirmava que o Presidente angolano, José Eduardo dos Santos, havia denunciado o envolvimento de funcionário do seu gabinete em esquemas de corrupção. A defesa de Gustavo Costa interpôs recurso à condenação, porém eram os tempos em que corrupção era palavra tabú em Angola.

Num texto publicado no diário “Público” em fevereiro de 2000, Reginaldo Silva escrevia que do Gustavo Costa “tinha sido o último jornalista julgado em Luanda em regime de absoluto ‘black-out’, com base no facto de se tratar de um crime particular, o que permite à acusação requerer o julgamento à porta fechada, já que a publicidade pode afetar ainda mais o lesado”. Mais à frente, Reginaldo Silva escreve que esta sentença foi tão draconiana que “se comenta em Luanda que até o próprio advogado do chefe da Casa Civil de Eduardo dos Santos terá sido surpreendido com a dureza da pena”.

Gustavo Costa iniciou-se no jornalismo na década de 1970 no período pós-independência, no “Jornal de Angola”. Passou pelo “JDM – Jornal Desportivo Militar”, os portugueses “Record” e “Expresso” e pontualmente a BBC. Fez parte da equipa que lançou o “Novo Jornal”, de que viria a ser diretor-adjunto e, depois, diretor, sobre o qual se diz “ter sido uma lufada de ar fresco no panorama jornalístico angolano”. De tal maneira, que arrebatou vários prémios.

Numa nota biográfica datada de 2015 lê-se que durante a sua já longa carreira em prol de um jornalismo crítico, Gustavo Costa foi galardoado com várias distinções dentre as quais o Prémio Nacional de Jornalismo e o Prémio Maboque de Jornalismo. Merecido! As muitas reportagens que escreveu no Expresso testemunham-no, “sim, sim, sim!”.

NEWS RELATED

Dezenas de estudantes cabo-verdianos na Rússia sem bolsa devido às sanções - Governo

Entrevista ao ministro dos negócios Estrangeiros de Cabo Verde, Rui Figueiredo Soares Praia, 07 out 2022 (Lusa) – Dezenas de estudantes cabo-verdianos na Rússia estão em dificuldades face aos atrasos em receber bolsas de estudo devido às sanções internacionais, tendo o Governo criado uma comissão interministerial para tentar encontrar ...

View more: Dezenas de estudantes cabo-verdianos na Rússia sem bolsa devido às sanções - Governo

Greta, a livraria que só vende livros de mulheres: “Maioria das editoras é liderada por homens e homens só gostam de trabalhar com homens”

Das mãos de Lorena Travassos nasceu um projeto feminista dedicado a material escrito por mulheres para que o público coloque mais os óculos delas e sinta como veem o mundo. Em breve ganhará morada física e fará surgir uma editora Lorena Travassos, brasileira de 42 anos, vive há oito em ...

View more: Greta, a livraria que só vende livros de mulheres: “Maioria das editoras é liderada por homens e homens só gostam de trabalhar com homens”

PJ localiza menor desaparecida há cinco meses

A rapariga de 16 anos será agora encaminhada para a instituição de onde se ausentou. PJ localiza menor desaparecida há cinco meses A Polícia Judiciária (PJ) informa, esta sexta-feira, que localizou a menor que se encontrava desaparecida da instituição onde se encontrava acolhida. A rapariga foi localizada em Alverca do ...

View more: PJ localiza menor desaparecida há cinco meses

Investigadores de Coimbra vão estudar práticas ecológicas nas artes performativas

Uma equipa de investigadores do Centro de Estudos Interdisciplinares da Universidade de Coimbra (CEIS20) vai realizar um estudo inédito sobre as práticas ecológicas e sustentáveis nas artes performativas em Portugal. O estudo, apoiado pela Direção-Geral das Artes (DGArtes), no âmbito de um protocolo celebrado esta semana com o CEIS20, ...

View more: Investigadores de Coimbra vão estudar práticas ecológicas nas artes performativas

Caso Luís Dias: secretário de Estado de Costa encontra-se com agricultor e promete solução, greve de fome interrompida

Luís Dias estava em greve de fome há um mês à frente da residência oficial do primeiro-ministro, em protesto contra as “desconformidades legais” levadas a cabo pelo Estado no processo de financiamento da Quinta das Amoras. Miguel Alves, secretário de Estado adjunto de Costa, encontrou-se com o queixoso e prometeu ...

View more: Caso Luís Dias: secretário de Estado de Costa encontra-se com agricultor e promete solução, greve de fome interrompida

Três homens condenados a penas de prisão por roubo violento nos Açores

O Juízo Central Cível e Criminal de Ponta Delgada, nos Açores, condenou três homens a penas entre os dois e os sete anos e quatro meses de prisão por um crime de roubo qualificado, com recurso a violência. O Juízo Central Cível e Criminal de Ponta Delgada, nos Açores, condenou ...

View more: Três homens condenados a penas de prisão por roubo violento nos Açores

Stellantis acredita que motor a combustão pode 'morrer' em 2027

Novo Jeep Avenger elétrico – plugue recarga Euro 7 terá metas de emissões rígidas, exigindo altos investimentos nos motores térmicos e tornando os carros elétricos mais viáveis Enquanto todos olham para 2035, ano em que a Europa pretende abolir o carro com motor a combustão, as regras de emissões ...

View more: Stellantis acredita que motor a combustão pode 'morrer' em 2027

Gosta de maçãs assadas? Esta receita é infalível

É um clássico maravilhoso do outono. Chegou a estação perfeita para refeições e bebidas quentes e reconfortantes. Entre os clássicos do outono estão, com certeza, as maçãs assadas, cobertas com açúcar e canela. Caso esteja a precisar de uma receita infalível experimente esta sugerida pela revista Best Health. Ingredientes:  6 ...

View more: Gosta de maçãs assadas? Esta receita é infalível

Alargamento de creches gratuitas volta a ser discutido na AR, mas termina apenas com aprovação do levantamento de vagas

Carolina Patrocínio mostra imagens de dias de sonho na África do Sul

O ‘grande Benfica’ e o ‘Pátio das Cantigas’

Centro Interpretativo da Batalha de Castelo Rodrigo recebeu 1.500 visitantes em três meses

Sérgio Conceição e o convívio com o insucesso: "O treinador é que paga"

Petróleo tem maior rali semanal desde março após corte da Opep+

José Pérez González é o mais rápido do FP2 e não só; Dupla de pilotos nacionais de fora do top 20 no final do dia

Tumultos nas bancadas interrompem Malmo-Union Berlin

Fiat simplifica a forma de escolha de um novo automóvel

VÍDEO: Rojo ajuda adeptos rivais no meio do caos que provocou um morto

Caso Larry Nassar quebrou ‘tabu’ quanto ao assédio e ao abuso sexual no desporto

Adão Mendes explica em tribunal situação dos padres e das missas no caso dos emails

OTHER NEWS

Breaking thailand news, thai news, thailand news Verified News Story Network