O Presidente chinês, Xi Jinping, surgiu, na quarta-feira, pela primeira vez em público, desde que visitou a Ásia Central em meados de setembro, numa exibição sobre as “conquistas” realizadas pela China durante os seus dois primeiros mandatos.

Xi Jinping surge em público em exposição que celebra sua governação

O Presidente chinês, Xi Jinping, surgiu, na quarta-feira, pela primeira vez em público, desde que visitou a Ásia Central em meados de setembro, numa exibição sobre as “conquistas” realizadas pela China durante os seus dois primeiros mandatos.

Esta visita é o mais recente marco de uma longa campanha que visa elevar o estatuto de Xi Jinping, que deve quebrar com a tradição política do país ao assumir um terceiro mandato em outubro, durante o 20º Congresso do Partido Comunista Chinês (PCC).

Foi a primeira aparição pública do líder chinês, desde que participou de uma cimeira sobre segurança regional, onde se reuniu com o homólogo russo, Vladimir Putin, em 15 de setembro, no Uzbequistão. A rara ausência coincidiu aproximadamente com o período de quarentena de 10 dias imposta a quem chega à China vindo do exterior, ao abrigo da política de ‘zero casos’ de covid-19.

O nome de Xi dominou as primeiras páginas dos principais jornais e noticiários dos órgãos estatais.

A exposição em Pequim mostra as conquistas realizadas pela China desde o final de 2012. A exposição inclui os esforços de Xi para revitalizar a economia, modernizar as Forças Armadas e combater a pandemia da covid-19, de acordo com a imprensa oficial.

As autoridades devem “divulgar amplamente as medidas estratégicas, práticas transformadoras, progressos revolucionários e conquistas marcantes dos últimos 10 anos”, disse Xi aos membros do Comité Permanente do Politburo, a cúpula do poder na China, que o acompanharam na visita.

Wang Huning, o quinto mais alto quadro do PCC, marcou o tom para o próximo mês na inauguração da exposição. “A liderança de Xi Jinping (…) é a razão fundamental pela qual estas conquistas e mudanças históricas se realizaram”, disse Wang, citado pela agência noticiosa oficial Xinhua.

No último congresso do PCC, realizado em outubro de 2017, Xi não nomeou um sucessor óbvio e a Constituição foi posteriormente alterada pela Assembleia Nacional Popular, para permitir que ele cumprisse três ou mais mandatos como chefe de Estado.

As autoridades e a imprensa estatal intensificaram uma campanha de exaltação a Xi nos últimos meses. Desde abril, o Partido Comunista organizou dezenas de conferências de imprensa para promover o histórico de governação do líder chinês, parte de uma série intitulada “China na última década”.

Antes da recentralização do poder que definiu os dois primeiros mandatos de Xi, havia uma separação formal das funções do governo e do Partido e um ênfase numa liderança partidária “coletiva”. Sob a direção de Xi, no entanto, o Partido Comunista Chinês voltou a penetrar na vida política, social e económica da China, enquanto o poder político se centrou na sua figura.

Leia Também: Presidente chinês apela a ordem internacional “mais justa e racional”

Seja sempre o primeiro a saber. Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online. Descarregue a nossa App gratuita. iOS

NEWS RELATED

Ucrânia: Amnistia Internacional alerta para "impacto desproporcionado" da guerra sobre idosos

Na Ucrânia, as pessoas com mais de 60 anos constituem quase um quarto da população e este grupo regista maior número de feridos e vítimas mortais no atual conflito Ucrânia: Amnistia Internacional alerta para “impacto desproporcionado” da guerra sobre idosos A Amnistia Internacional (AI) alertou esta terça-feira para o “impacto ...

View more: Ucrânia: Amnistia Internacional alerta para "impacto desproporcionado" da guerra sobre idosos

Ronald de Boer: «Se eu fosse o selecionador, deixava Ronaldo no banco»

Ronald de Boer: «Se eu fosse o selecionador, deixava Ronaldo no banco» Ronald de Boer, antigo internacional pelos Países Baixos, considera que Fernando Santos terá uma decisão complicada para tomar em relação a Cristiano Ronaldo, na sequência da atitude do avançado no momento da sua substituição frente à Coreia ...

View more: Ronald de Boer: «Se eu fosse o selecionador, deixava Ronaldo no banco»

Ex-colega de Ronaldo na Juventus condenado a prisão por agressão sexual

Ex-colega de Ronaldo na Juventus condenado a prisão por agressão sexual Manolo Portanova, médio do Genova, foi condenado a seis anos de prisão por agressão sexual, confirmou a ANSA, Agência Nacional de Notícias de Itália. O jogador da equipa da Serie B, que chegou a ser colega de equipa ...

View more: Ex-colega de Ronaldo na Juventus condenado a prisão por agressão sexual

Todos os fãs de 'Dragon Ball' vão adorar as novidades da Sport Zone

A mais recente coleção da Sport Zone vai deixar os fãs de ‘Dragon Ball’ mais felizes. Agora, personagens como Goku, o Piccolo e o Mestre Kame ‘saltaram dos ecrãs’ e ganham uma nova vida em peças como sweatshirts, t-shirts, casacos e muitos acessórios. É verdade, a série de animação japonesa ...

View more: Todos os fãs de 'Dragon Ball' vão adorar as novidades da Sport Zone

Vice-presidente do PT diz que texto da PEC pode mudar no plenário do Senado

Embora aposte em uma manutenção dos acordos construídos, o deputado federal reeleito José Guimarães (PT-CE), vice-presidente do PT, afirmou nesta terça-feira, 6, que o texto da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da transição pode mudar no plenário do Senado. Hoje, o relatório da PEC elaborado por Alexandre Silveira (PSD-MG) ...

View more: Vice-presidente do PT diz que texto da PEC pode mudar no plenário do Senado

Reunião do Mercosul expõe tensões internas entre representantes do bloco

A reunião da Cúpula de Presidentes do Mercosul expôs nesta terça-feira, 6, as tensões sobre a flexibilidade comercial do bloco, com atritos entre os presidentes do Uruguai, Luis Lacalle Pou, e da Argentina, Alberto Fernández. Lacalle Pou reafirmou sua intenção de negociar um acordo de livre comércio com a China ...

View more: Reunião do Mercosul expõe tensões internas entre representantes do bloco

Otávio e os três golos de Ramos: «É bom, para ver se vai embora»

Otávio e os três golos de Ramos: «É bom, para ver se vai embora» O futebolista da seleção nacional, Otávio, brincou de forma breve com a prestação do avançado Gonçalo Ramos, autor de três dos golos da vitória de Portugal sobre a Suíça, por 6-1, nos oitavos de final ...

View more: Otávio e os três golos de Ramos: «É bom, para ver se vai embora»

Angola: Greve dos professores põe alunos em greve de fome

Professores do ensino geral entraram de novo em greve esta terça-feira, dia em que os alunos começariam uma nova ronda de exames. Paralisação levou grupo de sete estudantes a decretar greve de fome de 15 dias. Provided by Deutsche Welle Sem acordo com o Governo angolano, os professores do ensino ...

View more: Angola: Greve dos professores põe alunos em greve de fome

Apreendida no Aeroporto do Porto mala de porão com 213 mil euros

Presidente da Fifa ajudou a me libertar, diz homem que invadiu campo durante Copa no Catar

Pelé apresenta "melhoria progressiva" no seu estado de saúde

Linha de Cascais em obras que ficarão prontas com três anos de atraso

Rodri irritado com a prestação de Marrocos: "Não ofereceram nada ao jogo"

Cimeira sobre biodiversidade abre portas em Montreal

Polícia detém 15 jovens suspeitos de recrutamento para insurgentes

Consumo privado e investimento podem atirar PIB para o vermelho no quarto trimestre

Antiga bastonária dos farmacêuticos vai liderar Hospital de Santa Maria

Ferido grave em acidente de trabalho em Aljustrel

Ronaldo e não só: Gonçalo Ramos revela os ídolos que tem no futebol

Inédito: Portugal tem 5 escolas de gestão entre as melhores da Europa

OTHER NEWS

Breaking thailand news, thai news, thailand news Verified News Story Network